IPVA Atrasado – O que fazer?

O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), muito mais conhecido e chamado por IPVA, é uma taxa que é cobrada dos veículos registrados no estado de São Paulo. A quantia é cobrada todos os anos e é uma dor de cabeça para muitos paulistas. Se o seu IPVA está atrasado e você veio a este artigo procurar uma solução, não pode deixar de ler até o fim!

IPVA Atrasado

IPVA Atrasado – O que fazer?

Quando vence o IPVA?

Você pode acessar o site www.ipva.fazenda.sp.gov.br/ipvanet (Clique AQUI), onde encontrará uma tabela que contém as datas de vencimento do IPVA de acordo com o numero final da placa. A tabela está completa, pois, mesmo que não aparece todos os meses nela, o imposto pode ser parcelado em 3 vezes, e, portanto, na primeira tabela mostram três colunas, de janeiro, fevereiro e março, cada uma correspondendo uma parcela.

Na tabela, também estão marcados os dias de vencimento de cada taxa, de acordo com o número final da placa do motorista. O pagamento pode ser feito com desconto e de forma parcelada até o dia do vencimento. Caso você não tenha condições ou tenha se esquecido de pagar até a data limite, preste atenção nas informações abaixo.

E se eu atrasar o IPVA?

Se você atrasa o pagamento do IPVA, não precisa ficar com medo de seu veículo ser apreendido. Há uma decisão recente do Supremo Tribunal Federal que proíbe a apreensão de veículos com o IPVA atrasado. Se você atrasar o seu IPVA, o ideal é que pague o quanto antes, já que conforme o tempo vai passando com a dívida pendente, vão sendo acumulados juros. Os valores são adicionados diariamente, mas em alguns estados ainda pode ocorrer uma outra coisa: os juros podem alcançar a marca de 1%.

Para pagar o IPVA atrasado, você tem de acessar o site do Detran ou da Secretaria da Fazenda do estado onde seu veículo foi registrado para que possa pedir por uma nova guia de recolhimento, a GRD. Essa guia possui, além do IPVA, as taxas do seguro DPVAT, por exemplo. Além dessas opções, você ainda pode comparecer a um posto do Detran ou da Secretaria da Fazenda e tirar a guia pessoalmente, para já pagar o valor necessário. Assim, não precisa mais se preocupar em ser multado por conta disso; pode dirigir tranquilo.

É possível parcelar a dívida atrasada?

O parcelamento apenas é possível nos casos em que o motorista paga o imposto até a data correta. Se o IPVA estiver atrasado, o pagamento deve ser feito em uma única parcela, contendo os juros dos quais falamos mais acima.

Visto todos esses pontos, é altamente recomendado que você pague a taxa de IPVA dentro do prazo, para que a dor de cabeça que citamos no início do artigo não se transforme em uma dor mais forte ainda. Por isso, fique sempre atento às datas de vencimento do imposto do IPVA pelo site da Fazenda. Dessa forma, fica mais fácil de esses imprevistos serem evitados.